Redesenhando minha empresa

0

Em nosso último texto para esse Blog (aqui) voltado para empreendedores, demos 5 dicas de como manter o seu negócio em meio a essa crise do coronavírus.

Os desafios são inúmeros, e o cenário não podemos negar que é um dos mais desafiadores dos últimos tempos para quem em algum momento atrás resolveu empreender.

Entidades internacionais pedem que as empresas mantenham seus colaboradores para a economia não entrar em colapso. Nosso Governo tem liberado diversas medidas para amenizar a crise e está fazendo aportes bilionários para conter demissões.

Enquanto esse turbilhão de coisas acontecem, citamos algumas coisas que você pode fazer por sua empresa que vão te ajudar a manter sua mente pensando fora de todo o cenário que estamos vendo.

Rever processos: Talvez não seja o primeiro item a ser feito, outras coisas precisam estar em ordem primeiro, mas certamente essa é uma boa hora para pensar no seu negócio.

Até então, os fatores abaixo estavam dentro da sua expectativa?
– Logística: desde recebimento, armazenagem, giro, organização na loja no caso de comércio ou fluxos operacionais, administrativos, controles internos, sistemas no caso de serviços.

– Vendas: Os processos eram adequados ou dava pra melhorar?  Tinham metas bem desenhadas, que desafiassem os colaboradores, mas não fossem impossíveis de alcançar?

– Marketing: Que tipo de propaganda era feita? Tinha algum investimento ou era mais através de mídias sociais?

– Colaboradores: O time até então tinha ou tem o empenho desejado? Seria necessário alguma reciclagem ou isso era feito por eles mesmos? Era necessário (ou ainda é) alguma mudança?

Relacionamento com clientes: Como se dava o relacionamento com clientes? Alguma menção quanto a data de aniversários? Um cartão, um e-mail personalizado, algo do tipo? Hoje sabemos que cada vez mais as pessoas estão comprando experiências, e ser bem atendido “não é mais que obrigação”.

Que tal pensar então na experiência do seu cliente? Não precisa ser nenhum conto de fadas ou padrão Disney, mas qual seu diferencial e como ser diferente num mercado cada vez mais igual? Lembrando que qualidade, agilidade, bom atendimento  apesar de serem de extrema importância e manterem seu negócio funcionando, ainda não traduz o que clientes estão procurando.

Pensou em algo mais? Compartilha com a gente em nossas redes.